Boschilia, 18 anos, “fura” quarteto e vai ganhar chance contra Botafogo

Boschilia

Gabriel Boschilia, de apenas 18 anos, será a grande novidade do São Paulo na estreia no Campeonato Brasileiro, contra o Botafogo, neste domingo, às 16h, no Morumbi. No treino desta sexta-feira pela manhã, no palco da partida, o técnico Muricy Ramalhorevelou a entrada do garoto na equipe. Osvaldo é o grande candidato a sair.

- Os treinamentos são muito importantes para mim. Ele está se destacando bastante. Do jeito que está treinando, alguém tem de sair – afirmou o treinador.

No trabalho de quinta-feira à tarde, no CT da Barra Funda, Boschilia treinou na vaga de Pato. O atacante, porém, ainda se recuperava de dores musculares que o tiraram de outros dois dias de atividades. Já nesta sexta, Osvaldo apareceu como um “coringa”, alternando jogadas entre titulares e reservas.

- Pato treinou bem, muito forte. Ele ficou dois dias parado, mas deve jogar – ressaltou Muricy.

A alteração fará o São Paulo aumentar seu poder de criação, um dos grandes problemas detectados por Muricy até o momento. Ganso seria o outro armador, tendo Pato como segundo atacante, e Luis Fabiano posicionado como centroavante entre os zagueiros adversários.

O zagueiro Rodrigo Caio, que está servindo a seleção brasileira sub-20, vai retornar ainda nesta sexta-feira e também está escalado. Paulo Miranda treinou como titular nos últimos dias, mas deve começar a partida no banco de reservas.

- Conversei com o Gallo (técnico da seleção sub-20) e pedi para colocar o garoto só meio tempo no jogo de hoje – disse o comandante.

A provável escalação do São Paulo é a seguinte: Rogério Ceni, Douglas, Rodrigo Caio, Antônio Carlos e Alvaro Pereira; Souza, Maicon, Boschilia e Ganso; Pato e Luis Fabiano.

Fonte: globo.com

Share Button

Destaque de novo, Boschilia mira Brasileiro

Na tarde da última quarta-feira (16), no Centro de Treinamento da Barra Funda, o Tricolor fez um jogo-treino contra o Grêmio Barueri para que o técnico Muricy Ramalho pudesse testar a equipe antes da estreia no Campeonato Brasileiro de 2014. E o jovem Boschilia, na vaga de Alexandre Pato, mais uma vez foi um dos destaques neste tipo de atividade.

No lugar do camisa 11, que estava com dores musculares e foi preservado, o meia abriu o caminho para a vitória são-paulina por 2 a 0. A boa exibição do jogador, revelado no Centro de Formação de Atletas Laudo Natel, em Cotia, fez com que o camisa 35 mirasse mais oportunidades e a sua estreia na maior competição nacional.

“É muito importante aproveitar esse tipo de trabalho, porque o Muricy costuma dar uma chance para quem se destaca. Quero fazer parte dos planos dele e, por isso, dei o meu máximo na partida”, avaliou o armador, que também se destacou no último jogo-treino do São Paulo.

No dia 2 deste mês, também no CT da Barra Funda, Boschilia entrou no decorrer do confronto contra o Nacional-SP (4 x 1) e ajudou no belo triunfo do Tricolor. E exibição do camisa 35 rendeu uma oportunidade contra o CSA-AL (3 x 0), no Morumbi, pela Copa do Brasil.

Motivado, o meia não esconde a ansiedade de poder disputar o seu primeiro Brasileirão. “É um dos campeonatos mais importante do país. Temos que entrar bem desde o começo, porque a nossa equipe está focada na briga pelo título. Essa é a melhor competição pra gente buscar o troféu e dar alegrias ao torcedor”, acrescentou o jovem jogador, que espera repetir a parceria com Paulo Henrique Ganso.

Ao lado do Maestro, Boschilia foi o responsável pelas armações das jogadas contra o Barueri e deu boas opções aos atacantes. “Sempre falei que é um sonho jogar com ele. Foi muito boa essa nossa parceria e espero ter mais oportunidades com ele”, finalizou.

Fonte: Site Oficial

Share Button

Após cumprir todas as etapas, Hudson já pensa na estreia

Hudson

Apresentado, regularizado e testado no jogo-treino da última quarta-feira (16), o meio-campista Hudson está totalmente à disposição do técnico Muricy Ramalho para fazer a sua estreia pelo Tricolor. No próximo final de semana, no Morumbi contra o Botafogo, o volante poderá defender a equipe na rodada de abertura do Campeonato Brasileiro de 2014.

Contratado após a disputa do Estadual, o jogador recebeu a camisa 25 no início da semana das mãos do vice-presidente de futebol do clube, João Paulo de Jesus Lopes, foi inscrito pelo Tricolor junto a CBF e pôde atuar pela primeira vez ao lado de seus novos companheiros durante o jogo-treino contra o Grêmio Barueri (2 x 0).

Com tantos ingredientes, o marcador mira o confronto contra os cariocas com a esperança de poder defender o time são-paulino pela primeira vez. “Foram três dias seguidos de treinos intensos e, aos poucos, estou adquirindo o ritmo ideal. Se o Muricy optar por me levar, estou pronto e à disposição”, vislumbrou o ex-atleta do Botafogo-SP.

Um dos destaques do Paulistão, Hudson foi o jogador que mais desarmou. Foram 63 roubadas de bola em apenas 14 jogos (média de 4,5 por partida). Além disso, o meio-campista também chamou a atenção no campo de ataque. Mesmo atuando no setor de marcação, o volante balançou as redes quatro vezes no torneio.

“Já estou conhecendo melhor a rapaziada e buscando o entrosamento. No jogo-treino, consegui me movimentar bem e me ambientar ao grupo. Acredito que, com o tempo, poderei render ainda mais”, acrescentou o jogador de 26 anos.

Fonte: Site Oficial

Share Button

Novo presidente prevê Rogério técnico do São Paulo: quando Muricy cansar

Rogério Ceni

Carlos Miguel Aidar, novo presidente do São Paulo, compartilha da opinião do antecessor Juvenal Juvêncio: Rogério Ceni não seguirá a carreira de dirigente do clube e sim a de técnico.

Aidar, inclusive, previu logo em sua entrevista coletiva de posse. “Pela visão de jogo que ele tem, pelos comentários que ele faz dos jogos do São Paulo ele será, sem dúvida, um dos melhores treinadores do futebol brasileiro. E espero que seja no São Paulo.”

Mas Muricy Ramalho não precisa se preocupar. Para Aidar, que ficará no comando do clube por pelo menos mais três anos, ainda levará algum tempo até que o hoje goleiro tricolor assuma o controle do banco de reservas.

“Isso no dia que ele ganhar experiência, maturidade, que sair pelo exterior conhecendo o futebol europeu. Quando o Muricy estiver aposentado e cansado de ganhar títulos no São Paulo, que o Rogério venha a ser nosso técnico. Ele conhece de futebol, tem a vontade, a gana, a garra e ele é diferente. Por isso é o maior ídolo da história do São Paulo”, explica o presidente.

Mais revelações

Até o dia em que Ceni for treinador, Aidar espera que o Tricolor dependa quase que exclusivamente das revelações do centro de treinamento de Cotia, onde estão as categorias de base do clube. Por enquanto, ele quer mesclar o time com jovens e veteranos.

“O ideal seria formar o time inteiro da base. Nossa base tem orçamento de R$ 28 milhões anuais. Tem 320 jogadores internados em Cotia, 140 morando. Tem que formar lá dentro, vai comprar jogador? Pega como exemplo o Damião, 42 milhões o Santos pagou? Isso é uma absoluta irrealidade no conceito do futebol brasileiro. Temos um jogador que está dando absoluta alegria para nós que o Corinthians paga metade do salário para se ver livre dele – Pato.”

“Isso não quer dizer que da lateral direita à ponta esquerda todos têm que ser da base porque se tiver a oportunidade de trazer um novo Falcão, não importa se tiver 35, 36 anos, vamos trazer. O que importa é que seja atração, produto de marketing”, diz Aidar, que foi presidente do clube entre 1984 e 1988 e na ocasião repatriou o volante Falcão, ex-Internacional e Roma.

Por hora, ele pretende criar um fundo de investimentos gerido pelo São Paulo para contratar jogadores.

Por: ESPN Brasil

Nota do Blog: o colunista Paulo Martins pede desculpas pela ausência, ocorrida por motivos profissionais, cuja coluna será publicada normalmente na semana que vem.

Share Button

Parabéns, Paulo Herren/Carlos Miguel Aidar é o novo presidente do São Paulo Futebol Clube

402446_323256237720948_721501357_n

Hoje é aniversário de um cara muito bacana. Um grande amigo nosso!
Do bem, sempre disposto a ouvir, a ajudar…
Anda meio afastado daqui mas sempre que pode dá sua passadinha.

Paulo, que seu dia seja muito especial, que sua vida seja repleta de alegrias e conquistas e seu time volte ao caminho das glórias.

Feliz aniversário, amigo.

Um forte abraço!

Amigos do Blog do São Paulo

_____________________________________________________________________________________________________________
Aidar

Em eleição realizada na noite desta quarta-feira (16), Carlos Miguel Aidar foi eleito Presidente da Diretoria do São Paulo Futebol Clube para o Triênio 2014/2017.

A Assembleia Geral do Conselho Deliberativo registrou comparecimento de 140 Conselheiros. Ao final da votação, foram apurados 133 votos para Carlos Miguel Aidar, que passou a ser candidato único após a renúncia do opositor, Kalil Rocha Abdalla. Brancos totalizaram 7 votos.

Para o Conselho Deliberativo foram eleitos o Carlos Augusto de Barros e Silva como Presidente, Marcelo Abranches Pupo Barboza(Vice-Presidente),  Roberto Márcio da Costa Florim (1º Secretário) e Joercy Lurdes Buccieri Nardi (2º Secretária). Foram 133 votos para a chapa, com também 7 votos em branco.

Para o Conselho Fiscal, foram eleitos , João Hercilio B. de Paula Eduardo, Affonso Covello Netto, Antonio Peralta, Arthur Palaia Rodrigues e José Augusto de Oliveira Melo.

Para a suplência, foram eleitos: Eduardo Carlos Gomes Zuanella, José Innocêncio Santos Oliveira, Leônidas Figueiredo, Paulo Sergio Carvalhaese Valdir Hamed Humar.  Foram anotados 133 votos para a chapa, com 7 votos em branco.

Na mesma sessão seria votada também aprovação dos modelos jurídico e financeiro do Projeto de Construção
 da Cobertura do Estádio do Morumbi, Arena Multiuso e Estacionamentos na Sede
Social, ressalvando para deliberação posterior a ratificação quanto à
 escolha da construtora a ser contratada para realização das obras. Porém, pela falta do quórum qualificado de 75% a votação será realizada em outra oportunidade, em reunião extraordinária.

Fonte: Site Oficial

Share Button

Tricolor conhece data para encarar o CRB-AL

Copa do Brasil

A Confederação Brasileira de Futebol divulgou no início de tarde desta quarta-feira (16), em seu site oficial, as datas e horários dos primeiros jogos da segunda fase da Copa do Brasil. O Tricolor, que eliminou o CSA-AL, medirá forças contra mais um clube alagoano na próxima semana, no dia 23, às 22h (de Brasília).

O duelo contra o CRB-AL, que passou pelo Rondonópolis na fase anterior, será disputado no Estádio Rei Pelé. O palco do confronto, em Maceió, recebeu a equipe são-paulina na primeira fase e deu sorte aos comandados do técnico Muricy Ramalho.

Com o gol solitário do atacante Osvaldo, após assistência de Alexandre Pato, o São Paulo venceu por 1 a 0 e trouxe a vantagem de jogar pelo empate na capital paulista. No entanto, na volta, o Tricolor goleou por 3 a 0 e garantiu o direito de seguir na briga por uma vaga na Libertadores da América de 2015.

Visando o embate da Copa do Brasil e a estreia no Campeonato Brasileiro, que começará no próximo domingo (20) contra o Botafogo, os atletas têm suado a camisa na intertemporada realizada no Centro de Treinamento da Barra Funda.

A primeira fase do torneio nacional será encerrada nesta quarta. Já a segunda fase será disputada entre os dias 23 de abril e 14 de maio. De acordo com o documento assinado pelo Diretor de Competições da CBF, Virgílio Elísio da Costa Neto, as finais serão nos dias 12 e 26 de novembro.

Fonte: Site Oficial

Share Button

Coluna do José Renato: O jogador que resgatamos, Casagrande

O aniversariante da semana é um grande atacante.

Nasceu em 15 de abril de 1963, na cidade de São Paulo, Walter Casagrande Junior.

Seu início de carreira foi surpreendente.

Levado de coadjuvante a um dos astros de um movimento marcado pelo marketing, logo foi deixado de lado.

Justamente no clube onde tinha nascido para o futebol.

Contra interpretações fantasiosas, a frieza da história é implacável.

Algo natural no lado (alvi) negro da força.

Coube ao tricolor colocá-lo no rumo do sucesso.

Formou com Careca uma das maiores duplas de atacantes do futebol nacional.

Casão estreou no maior clube de futebol brasileiro em 12 de agosto de 1984, em uma vitória por 2 a 0 frente a Lusa.

Em sua quarta partida, talvez a sua maior atuação.

Uma primorosa goleada por 4 a 1 frente ao Santos, em 2 de setembro, equipe que conquistaria o título paulista ao final do ano.

Naquele dia Casão fez dois gols.

Ambos de cabeça.

Pena que foi por pouco tempo.

Apenas 23 jogos e 11 gols.

A inveja e o temor foram maiores.

Algo, também, natural no lado (alvi) negro da força.

Este período tricolor catapultou a carreira de Casagrande.

Chegou a Seleção.

Participou de Copa do Mundo.

Foi para a Europa.

Campeão Europeu e Mundial.

Muito de seu sucesso profissional se deve ao convívio tricolor.

Algo dito por ele mesmo.

Nossos valores são únicos.

Não formamos apenas atletas.

Formamos seres humanos.

Algo que apenas quem tem coração de três cores pode entender.

Por: José R.S. Santiago

Share Button

Projeto do Morumbi divide oposição e pode tirar votos de Kalil

Convocada para o mesmo dia da eleição do próximo presidente do São Paulo, a votação do projeto de reforma do Morumbi deve fazer com que conselheiros da oposição não entrem no plenário, na noite de quarta-feira. Há uma divisão dentro do grupo, o que é ruim para Kalil Rocha Abdalla, que, desse modo, teria votos a menos a seu favor na disputa com Carlos Miguel Aidar.

A manobra idealizada por Aidar e aceita pelo presidente Juvenal Juvêncio não tinha como intenção esvaziar o salão nobre, no dia 16, até porque já canta vitória antecipada no pleito, mas sim forçar a votação por parte da oposição, que já se absteve na primeira vez em que a matéria foi convocada, em 17 de dezembro do ano passado. O estatuto reza que não pode haver votação se não estiver presente o mínimo de 75% do Conselho.

Apesar de classificar o projeto de modernização do estádio como positivo, parte da ala oposicionista não pretende avalizar a ideia em meio à eleição presidencial. Entende que o assunto ganhou cunho político e questiona detalhes do texto. Em 25 de janeiro, uma reunião aberta a associados mais resultou em polêmica do que em esclarecimentos.

Além da cobertura do estádio, o projeto prevê a construção de uma arena de show e de novos estacionamentos. Pelo imbróglio, a Andrade Gutierrez, construtora com quem o clube havia se acertado para a obra da cobertura, a desistir da parceria. Segundo a diretoria, seus demais colaboradores (LACAN, XYZ e Multipark) continuam dispostos a contribuir com os planos.

Na eleição do Conselho Deliberativo, realizada em 5 de março, a situação recebeu a maioria dos pouco mais de três mil votos e ficou com 49 das 80 cadeiras renováveis a cada seis anos. Ter 18 conselheiros a mais deu segurança para que Aidar insistisse com Juvenal sobre convocar a votação da reforma do estádio para o mesmo dia do pleito.

A estratégia, porém, não foi encarada de uma única forma pela oposição. Alguns conselheiros que pretendiam votar em Kalil, mas admitem vitória de Aidar, cogitam não se apresentar, a fim de que não haja quórum suficiente para abrir votação do tema. Outros, como Marco Aurélio Cunha (conselheiro de oposição mais votado), prometem comparecer independentemente da “armadilha”.

Fonte: espn.com.br

Share Button

Principal ladrão de bolas do Paulista, Hudson quer ser segundo volante

Reforço do São Paulo foi o que mais desarmou no torneio estadual, defendendo o Botafogo, mas diz que tem qualidade também para atuar mais adiantado

O volante Hudson foi apresentado nesta terça-feira pelo São Paulo e chegou ao clube com o status de maior ladrão de bolas do Campeonato Paulista, atuando pelo Botafogo. Na primeira entrevista como atleta do Tricolor, ele citou essa como uma de suas principais qualidades.

- A característica marcante do volante tem de ser a roubada de bola, fui muito feliz nesse Paulistão, tive muitos desarmes – disse.

Agora no Tricolor, Hudson quer atuar mais adiantado, como segundo volante, sua posição preferida, na qual, além de desarmar, ele pode chegar com mais com frequência no ataque.

- Já joguei como primeiro volante, mas a função na qual jogo melhor é como segundo volante, marcando bem, ajudando a defesa e chegando à frente, sendo o fator surpresa no setor ofensivo – falou.

Hudson está à disposição do técnico Muricy Ramalho para estrear já no próximo domingo, contra o Botafogo, no Pacaembu, na primeira rodada do Paulistão.

Fonte: globo.com

Share Button

Viagens ao Sub Mundo – Os carros são como as lanchas, as motos são como os jet skis e as novelas são como o futebol.

viagens
Os carros são como as lanchas, as motos são como os jet skis e as novelas são como o futebol.

 
Lima Duarte
Ao meu entender, futebol e novela são, praticamente, a mesma coisa. Naquele quesito gostar e acompanhar. A tal da importância para a vida.

Admito que já fui daqueles de criticar novelas, falando que só passam coisas ruins e ensinam perversidades para as cansadas mentes dos cansados trabalhadores brasileiros que, depois de tanto trabalharem para quase nada receberem do Governo, tentam o mínimo de sossego no final dos dias em seus lares diversos pelo país.

Imagina para aqueles que têm seus princípios (que não julgo, como não julgarei princípios contrários, desde que, como ambiente geral do agir e pensar, tenhamos o respeito) baseados no não homossexualismo em virtude de doutrina religiosa, formação cultural, criação e desenvolvimento familiar, porém que se deparam com uma crescente divulgação da existência (por vezes de forma a propagandear como sendo o mais correto a existir e não só como normal) gay e acabam recebendo via telinha desagrados e ‘ataques’ ao que entendem como correto.

Cada espaço para cada informação.

Ou seja, feche os olhos caso não queira ver.

Se vai contra sua orientação e causa incômodo, analise de forma imparcial primeiramente e, se prejudicar somente os seus, evite. Num caso de haver como entendido de forma geral uma latente obra desagregadora da harmonia do todo, certamente teremos muito mais de nós no contra e partindo pro ataque.

Ora, sejamos mais coerentes e concordemos: Há tempos a televisão deixou de ter sua importância como formadora de opiniões sensatas, e hoje o que temos é um braço fortíssimo dos Poderes que regram e controlam o cidadão de Pindorama. Telejornais e demais informativos tendem a seguir um modelo baseado naquilo que, ou não incomoda o Governo atual, ou pende para o lado de uma oposição que muito diferente não fará caso ocupe os cargos mais importantes na política nacional.

Rachel Sheherazade

Enfim, não fujamos da veia do tema. Porque a variedade de assuntos paralelos a ele é tamanha, que ficaríamos horas e horas debatendo (no caso eu o faria sozinho aqui e os corajosos leriam no final), finalizando um livro de inúmeras páginas que talvez não seria publicado pelas gigantes editoras, pois estas também são orientadas como as emissoras televisivas.

Num dia de conversa fiada, daquelas que temos ao acaso, com quem não fazemos questão de lembrar quem é quando do conteúdo nos lembramos depois, como no caso agora lembro para aqui escrever sobre, um ferrenho torcedor do Guarani da Capital me falou que não conseguia acreditar nos absurdos expostos na novela das 8 (ou das 9, 10, 11.. não lembro, mas me lembrei que era torcedor do time que cada dia mais se sagra pequeno). Que era pai matando filho, mulher traindo o marido que a trai com um motorista que só quer saber de grana e comete diversos crimes, irmãos que se odeiam, médicos corruptos, bandidos que se dão bem no final, etc..

Seria espelho da vida real?

Sinceramente, no futebol temos um espelho da vida real. Sabedores que somos da existência de diversas maracutaias nos bastidores do esporte mais amado, ainda acompanhamos seus desenrolares e suas infinitas novelas envolvendo transferências de jogadores, Taça das Bolinhas, estádios sedes de jogos da Copa, corte de cabelo de um Neymar, escrotices saídas da boca fétida de Romarinhos da vida, a queda cada vez mais acentuada da moral que um dia certo Rei do Futebol alcançou…
Pelé e Dilma

Enquanto que lá na Espanha há poucos dias imitaram macacos com o intuito de ofender o último prodígio da Vila, outras situações envolvendo intolerância e estupidez aqui no sul do país ocorrem e, olhando de forma irônica, o que pensar que pensam muito dos estrangeiros que virão para a fatídica Copa se não que somos macacos violentos e corruptos, de cultura pornográfica que sempre manifestamos violentamente toda a raiva e ódio oriundos de resultados no futebol e, quando fazemos o mesmo por causa de política e suas barbaridades, a polícia militar do Estado falso-comunista mambembe, unida ao falso tucano carniceiro, reage, e a mídia trata os manifestantes como vândalos?

Num paralelo com o cotidiano econômico mundial, vemos os clubes nacionais se afundando em dívidas e se dizendo com o rei na barriga, olhando pro próprio umbigo e propagandeando serem o que não são, quando o que apresentam em campo não passa de perebagens mil com jogadores e preparações táticas e físicas pífias, estádios miseráveis (mesmo com a inundação de dinheiro público em alguns considerados padrão de uma empresa sem ética e sem moral) e trambiques diversos envolvendo parcerias e parceiros mafiosos, incluindo o próprio Governo Federal (em sua busca contínua por propagandas envolvendo paixões ‘unânimes’ que sejam ligadas à imagem do Estado e assim minimizem os estragos feitos pela administração danosa, semelhante às administrações dos próprios clubes nacionais).

E para não dizer que trato somente de um certo partido político, se Juvenal culpou o representante máximo da oposição, teve sua razão, como também teve ao dizer sobre o Senhor Tempo.

Máscara de Juvenal
Quando o que temos na política da nação é um altíssimo grau de péssimas escolhas, o que temos para a presidência Tricolor não parece ser tão diferente assim, pois de um lado temos a cria de Juvenal durante sua pior fase, e do outro uma oposição, como dito inúmeras vezes e provado, sem o mínimo tato para algo realmente benéfico, sendo o contrário mais possível como resultado.

Novelas, por mais que queiramos, ou não nos importemos com isso, ainda traçam um paralelo à vida do brasileiro, assim como o futebol. Acompanhar qualquer um dos dois pode ser tratado como a mesma coisa. Eu gosto de futebol, acompanharei seus acontecimentos, muito unicamente por causa do São Paulo Futebol Clube e nada mais.

A novela, quem quiser assistir, assista. É um BBB a mais, um BBB a menos, Silvio Santos e Sabrina Sato na Record.

Continuemos seguindo sem mudar, assistindo às barbáries apresentadas no Datena em nosso horário de chegada em casa.

Se quiserem desligar a TV, tanto faz, tanto fez. Não vou falar para que leiam um livro, porque eu sequer tenho um atualmente na cabeceira.

 

Ronnie Mancuzo – Sub

 
——————————————–
E no consultório médico, um grande apreciador de copos (cheios) chega acompanhado de sua mulher.

-Doutor, sinto náuseas, dores no corpo, boca seca, e etc…

-Você fuma ?-pergunta o médico-

-Uns cinquenta cigarros por dia…

-Então este é o problema, interrompeu o médico. Pare de fumar imediatamente e voltará a ter uma saúde de ferro. Pode ir.

Já fora do consultório, a sua mulher pergunta:

-Você nunca fumou na vida, nem um único cigarro. Por que a mentira?

-Se eu dissesse que não fumava ele iria perguntar se eu bebia … e aí era adeus vinhos, caipirinhas, cervejas …

 
———————————————
Vítima de linfoma, em 15 de abril de 2001, Jeffrey Ross Hyman partia para o lado desconhecido da existência (ou talvez para a inexistência) após uma vida muito punk.

Inesquecível após o primeiro contato visual, carregava na imagem aquele semblante ícone do movimento mais rebelde da música. Os cabelos quase encobrindo completamente os olhos, que ficavam atrás dos óculos meio ovais, dentes pequenos e não muito bem conservados, altura acima da média de um corpo magro e quase sempre envolto pela jaqueta de couro preta.

São inúmeros os hinos criados por Joey, marcantes e imortais para qualquer um que saiba o que é uma guitarra. Os ‘3 acordes’ variavam de forma única, fazendo nascer sucessos e mais sucessos durante os mais de 20 anos de existência da banda Ramones.

Em 2002, fora lançado seu álbum solo (póstumo) chamado Don’t Worry About Me, com uma versão de What a Wonderful World (que aparentemente teve um clipezinho furreco com um casalzinho teen, levemente babaca). Fiquemos com esse som num vídeo mais apresentável:

 
———————————————
Frase do dia:

“Mesmo que você faça o que quer fazer, fazendo como se quer fazer, e o resultado sempre será como seria se fosse pra ser.”

Ronnie Mancuzo – Sub

Share Button